sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Redução de Custos - Consumo de Água



Economizar água é fácil e possível com a simples atualização dos equipamentos de uso diário.
Economizar água é fazer uso racional, portanto sem desperdícios.
Economizar água é economizar recursos, é economizar dinheiro.

Há duas maneiras de se reduzir o consumo de água, uma delas reduzindo a vazão do ponto de consumo, outra reduzindo o tempo de abertura do mesmo. Melhor ainda quando reduzimos os dois.



Veremos alguns pontos muitos utilizados nas empresas:


Torneiras Econômicas
Torneiras convencionais consomem acima de 5 litros por minuto, porém o que se verifica em média são vazões de 6 a 7 litros/minuto. 

Para redução da vazão, usar Arejadores Econômicos:
Apenas com sua aplicação reduzem o consumo de 50 a 80%, sem perda da eficiência e do conforto. Modelos com regulador de vazão fixa para atender torneiras de lavagem de mãos, com vazão de 1,8 litro/minuto e modelos com redução de vazão por simples restrição para lavagem de utensílios. Ambos com espalhamento através de micro jatos para manter a eficiência.



Válvulas de Descarga Econômicas
Válvulas de descarga diretas consomem acima de 15 litros por ciclo, porém o que se verifica em média é 20 litros.

Os vasos sanitários fabricados a partir de 2003 precisam apenas de 6 litros para uma descarga completa. Os vasos sanitários são responsáveis por 30 a 50% do consumo de água do banheiro.


Válvulas de Mictório Econômicas
As válvulas de mictório estão longe de ser preocupação quanto ao consumo de água. Isso afirmamos, cientes da situação, que a grande maioria dos usuários deixa de fazer seu acionamento. Este fato é o causador do mau cheiro dos sanitários masculinos, e do problema constante de entupimento das louças de mictório. Para sua solução há gastos com colocação de pastilhas odorizadoras, naftalina e/ou gelo, que trazem consigo custos operacionais ou ainda sistemas de descarga constante que aí sim geram grande desperdício de água.


A solução definitiva para este problema são as válvulas sensorizadas que acionam a descarga após o uso do mictório, e em sendo assim diminuindo drasticamente a mão-de-obra para sua manutenção além dos “insumos” citados anteriormente.


Chuveiros Econômicos 
    Duchas convencionais consomem acima de 15 litros por minuto, porém o que se verifica em média são vazões de 25 litros/minuto. Cabe ressaltar que os banhos são certamente os “vilões” de consumo de água de um banheiro, podendo representar próximo a 50% do total gasto.

Para redução da vazão, Reguladores de Vazão e/ou Duchas Econômicas:


Apenas com sua aplicação reduzem o consumo de 50 a 80%, sem perda da eficiência e do conforto. Com regulador de vazão fixa para atender duchas convencionais com vazão de 12 litros/minuto e Duchas Econômicas com vazões que variam de 6 a 10 Litros/minuto.
Para redução do tempo de abertura há os modelos de Controladores Temporizados Manuais e Eletrônicas e também versão sensorizada:

Reduzem o consumo de 20 a 50%, dependendo do modelo e aplicação.

Podem também ser dotados de dispositivo de vazão fixa que pode variar de 6 a 12 litros/minuto. Garantem uma utilização mais racional, inclusive garantindo o uso apenas na presença do usuário. Sua funcionalidade acaba também por reduzir o tempo de permanência do usuário. Os modelos eletrônicos podem interromper o banho após tempo programado.

Cabe salientar que ao reduzir o consumo de água do banho estamos falando em reduzir proporcionalmente a energia (gás/eletricidade) utilizada para aquecimento desta água, e portanto obtém-se significativo retorno financeiro indireto.

Vaso sanitário
De acordo com o engenheiro e consultor especialista em uso racional da água da H2C Consultoria, Carlos Lemos da Costa, um dos principais vilões do desperdício é a bacia sanitária.

Supondo que uma residência tenha quatro pessoas, a descarga sanitária é acionada em média 16 vezes ao dia. Se a bacia de 30 litros fosse substituída por outra de 6 litros, no fim de um mês, haveria uma economia de 11.560 litros, o equivalente a redução de 80% no consumo.

Localize e conserte regularmente, os vazamentos de água
Organize uma auditoria no sistema hidráulico para verificar vazamentos em torneiras e vasos sanitários. Repare-os o mais rápido possível.

Instale acessórios e dispositivos para a economia de água
Considere o uso de dispositivos de baixo fluxo nas torneiras e vasos sanitários. No caso de vasos sanitários com alavancas para descarga de água, instale diafragmas para conter o consumo da água. Ao construir ou reformar, procure equipamentos e acessórios com dispositivos de baixo fluxo. Evite o uso de Equipamentos de fluxo contínuo.

Reduza o consumo da água nas áreas externas
Utilize práticas de economia de água na jardinagem. Por exemplo, o uso de matéria vegetal ao redor das plantas reduz a evaporação. Assim, o jardim poderá ser irrigado com menos frequência. Utilize formas alternativas de irrigação, que reduzam o consumo de água. Considere o plantio de folhagens e grama resistentes à seca, que necessitam de pouca água.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...