segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Redução de Custos - Passe uma Tesoura


7 dicas para passar a tesoura nos seus custos.
 



1. Atenção aos fornecedores

A melhor maneira de começar a diminuir as despesas é negociar na hora das compras, e dimensionar qual o volume que será comprado e estocado. Isso permite mais rapidez de giro e é essencial para manter o caixa equilibrado. Deixar as negociações nas mãos somente dos encarregados das compras é um erro.


Para evitar comprar equivocadas mantenha suas necessidades organizadas, saiba quando e quanto você precisa de cada material.


2. É preciso ter um chato, eleja um vilão.

 Não é possível avaliar gastos sem alguém assumir o papel de ‘chato’. Cabe ao empresário definir quem será: o presidente da empresa, um funcionário escolhido para fazer isso, ou até um consultor especialmente contratado para a função. Essa pessoa fará o trabalho de avaliar minuciosamente o custo de cada operação e cada item comprado, principalmente aqueles com maior volume, e definir limites aos preços cobrados pelos fornecedores.  


3. Faça cotações ou organize concorrências é preciso utilizar instrumentos para alcançar o melhor preço. A importância de fazer cotações sempre antes de comprar é muito clara: “por menor que seja a diferença, ela significará dinheiro!”.


4. Evite reuniões fora da empresa - Reuniões externas demandam um gasto na maior parte das vezes desnecessário. Além disso, afastam funcionários das atividades mais produtivas.

Utilize a tecnologia para cortar custos com reuniões externas e viagens, conheça a história de uma agência de viagens que cortou 30% dos seus custos com telefonia utilizando o SKYPE.

Veja também uma solução prática e hospedada na nuvem que pode ajuda-lo a realizar reuniões online: Microsoft Office Live Meeting. Com ele suas reuniões remotas contam com recursos como áudio, vídeo, apresentações, questionários, pesquisa entre outros.  


5. Estude a terceirização - A terceirização é uma opção para tudo aquilo que está fora de sua competência. “Sua empresa possui uma competência essencial, ou seja, aquilo que é o real negócio dela, isto você nunca deve ser terceirizado”, destaca.  


6. Cobre juros - Seus clientes fazem pagamentos dentro do prazo? Nem sempre, e muitas vezes o prejuízo é arcado por você. “Caso não consiga deixar de financiar seus clientes, então não faça isto de graça, cobre juros. Seu dinheiro não pode ficar em sua organização sem conseguir gerar receita”, explica.


7. Invista em inovaçãoÉ preciso avaliar com cuidado qualquer compra em sua empresa. Mas muitas vezes investimentos são confundidos com gastos.

Investimentos em inovação e tecnologia ainda sofrem resistência nas pequenas empresas, que muitas vezes não possuem dados precisos para analisar e tomar sua decisão por investir.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...